Onde rolam as cascatas

"Ficção, Romance, Emoção, Aventura e suspense"

Textos

Velho?É o tataravô do seu bisabô!!!
Velho?! É o tataravô do seu bisavô

E lá vou eu por essa estrada... Desafiando a multidão, passos lentos, bem sei!
Mas ainda, não me cansei de viver com emoção.
Não me venha com essa armadilha de achar que eu tô morrendo, pois eu ainda nem tô sofrendo do mal da solidão!
Eu tenho um bom coração!
Não tenho medo meu irmão!
A vida é tão bela! E eu ainda gosto tanto dela,
Não me traga desilusão.
Pra quem pensa que na velhice somos como um carro velho abandonado num galpão,
Enganas meu cidadão!
Tu não sabes nada, não!
A idade traz novidades que os dias não têm capacidade de medir a percepção.
Temos histórias pra contar, exemplos pra deixar pro mundo encontrar.
Temos energia impregnada, família criada e netos para espiar.
Os olhos não querem ver o mundo desmerecer o valor da maturidade, que melhor que se ter idade é vencer a vaidade do fundo de uma verdade, que ensina a humanidade, que hoje vive a mocidade.
“O futuro lhes espera, e colherás na primavera a semente de suas ações.”

                                      Valleria Gurgel
Valéria Gurgel
Enviado por Valéria Gurgel em 11/11/2016
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras