Valéria Gurgel
"Ficção, Romance, Emoção, Aventura e suspense"
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos

Remando o barco da vida...
Muitas vezes nos vemos em meio a um turbilhão! Um tsunami de ondas gigantes querendo nos engolir! A vida se agita e o nosso corpo parece  afundar nas profundezas de um mar de medos e incertezas...
Mas saber acalmar a mente e respirar corretamente, calar a voz da  auto condenação e abraçar o perdão e acolher a gratidão, como tábua de salvação pode ser a melhor rota a seguir!  Somente assim  permitiremos remar passivamente  os remos do consciente e do inconsciente  e é aí que passamos a encontrar sabedoria para enxergar as soluções, que em meio às águas tranquilas e serenas vemos refletida nossa própria imagem, outrora turva e distorcida!
Muitas vezes não conseguimos nos ver de verdade, nem sequer nos reconhecer, tamanho é a agitação da mente e dos pensamentos caóticos!
Como agir? Tomar decisões? Confiar em quem não se auto confia, não se auto  conhece? Em quem não se auto  enxerga!?
Pode ser o excesso do ego ou a falta dele! Por vaidade, ou baixa auto estima! Por esgotamento físico ou mental  ou pura letargia disfarçada de comodismo! O ócio da filosofia abandonada nos porões da intransigência!   É preciso acalmar a maré! E  remar o barco rumo a uma antiga  ilha grega chamada "Conhece- te a ti mesmo" E só assim...
Repousar na paz de sua consciência!!!
Por Valeria Gurgel
Valéria Gurgel
Enviado por Valéria Gurgel em 07/06/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários